segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Linhagem

É mais fácil orgulhar-se de quem já fez do que fazer por sua vez.

Linhagem

Poema bastardo
Bateu porta em porta
Vendendo seus falsos
Brasões de família.

Diz vir de outras terras:
Espanhas ou Franças...
Talvez Alemanhas
De vagas lembranças.

Poema de rua
Viveu vira-latas
Catando outros cantos
Que perto passavam.

Cantigas perdidas
Uniram-se a ele
Gerando versinhos,
Histórias, pregões
Que vagam vendendo
Seus falsos brasões.

22 comentários:

  1. [recordaram-me umas linhas antigas, que não dei continuidade, mas um parágrafo em particular, ocorreu-me:

    "Talvez não saiba, meu caro amigo, que há muito, mas mesmo muito tempo, existiu um pequeno reino, não demasiado distante de onde aqui estamos, um pedaço de terra onde tudo, mas mesmo tudo era improvisado, até as próprias fronteiras que distavam de onde a onde, pois todos as desconheciam, dizia-se que por ignorância, mas pouco, muito pouco mesmo se fazia por designorar.
    Ignorante é feliz..."]

    Um imenso abraço,

    Leonardo B.

    ResponderExcluir
  2. Minha querida amiga, você sempre com "elementos" surpreendentes, adoro essa sua natureza poética.
    bjs
    Mara

    ResponderExcluir
  3. Isso de valorizar [demais] a linhagem é tão comum aqui na minha Capitania...

    ResponderExcluir
  4. Olá Carla, desejo que tudo esteja bem contigo, sempre!
    Que belo poema, como sempre fazendo jus ao título do blog, Algo além dos livros mesmo!
    Além de encantar também surpreende de verdade este seu encantador estilo! Parabéns pelos belos poemas e pelo espaço!
    Obrigado pela visita, e gentil e carinhoso comentário. Desejo a você e todos ao redor infinita felicidade, abraços e até mais!

    ResponderExcluir
  5. Carlinha,

    Quero ser a primeira a cumprimentá-la pelo aniversário!
    Muita saúde, alegria e inspirações ( mais ainda? rs!) junto ao seu Leroy e todos os seus amiguinhos de 4 patas.

    bjos
    Ivana

    ResponderExcluir
  6. PARABÉNS MINHA AMIGA, DESEJO TUDO DE MELHOR PARA VOCÊ, E QUE VOCÊ TENHA MILHÕES DE ANIVERSÁRIOS POÉTICOS.
    FELICIDADES
    Mara Bombo

    ResponderExcluir
  7. Obrigada, Ivana Madrugadora e Super Mara, pelos parabéns! Obrigada a todos pelos comentários amigos e interessantes! Vocês são 10! Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Parabéns, Carla muitos poemas na sua vida.

    Abraços Poéticos Piracicabanos de Ana Marly de Oliveira Jacobino

    ResponderExcluir
  9. Vim te desejar um lindo niver com tudo de bom que desejares!beijos,chica

    ResponderExcluir
  10. Tempos de Folhetins

    À tí Poetisa Carla

    Alguns
    Cantos encantados
    De mão em mão a todos ler
    Em tempos de folhetins
    Maravilhas iam levar
    Aos corações...


    Tempos de rainhas
    Dias de Voltaire e Victor...
    Hugo em suas linhas
    Encantava os miseráveis,
    Os mosqueteiros
    E os dragões
    Ainda aterrorizavam
    As criancinhas

    Mas os aniversários
    Eram inesquecíveis nas telas
    Que nem o Louvre as possúi
    Porque são telas
    De lembranças
    Pintadas
    Com as tintas
    Que colorem as idéias
    Encantadas como as tuas
    Em dias de festas
    Como hoje que te maravilhas
    Ao sentir por mais um ANO...
    Que és Mulher... Musa...
    E Poetisa...

    Parabéns... Carla... Parabéns...

    Walter de Arruda
    www.recantodasletras.com.br

    ResponderExcluir
  11. De que valem os brazõez se tudo isso é tão finito? O que vale é o carinho sincero que temos pelo nosso próximo. Por isso, quero deixar aqui , nesse dia do seu niversário,um abraço muito especial, pleno de admiração. Beijos, Carla!!!

    ResponderExcluir
  12. Parabéns, Carla, pelo poema e pelo aniversário!
    Afonso Guerra-Baião

    ResponderExcluir
  13. Aceitam gente com mais de 91 anos e de bengala??? Previamente, felicissimo aniversario a Carla, excelente poetisa.
    Lino Vitti

    ResponderExcluir
  14. Oi Carla, tenho que ser madrugadora por causa da Ana Clara. Ela ainda não se acostumou com o novo fuso horário e acorda às 5 pedindo a mamadeira! rs!

    bjos

    ResponderExcluir
  15. Nossa, quanta gente amiga me cumprimentando! Sejam todos bem-vindos, principalmente os jovens príncipes de 91 anos! Beijos a todos!

    ResponderExcluir
  16. Carla, Carlíssima!!!

    Antes tarde que deixar passar significativa data do seu niver! Honra e glória a você, querida e admirada amiga poeta! Many many happy returns! Parabéns por hoje e por todos os dias de sempre ser ótima!

    Hugs & kisses,
    Sílvia (Safira)

    ResponderExcluir
  17. Olá Carla minha cara poetisa, desejo que tudo esteja e continue maravilhosamente sempre muito boas contigo!

    Já estava estressando com meu PC quando resolvi abrir o s e-mails e eis que havia um recadinho da nossa amiga Mara B.
    E cá estou, pois seria deselegante de minha parte não comparecer justamente neste dia tão festivo desta poetisa que encanta com seus poemas!
    Carla, eu te desejo a você sinceramente, incontáveis comemorações desta tão festiva data, desta sua vida.
    E que sempre te acompanhe esta magia,
    Que a todos nós tanto encanta,
    Esta doce e sensível maneira de ser romântica,
    Que nos faz embarcar em belas fantasias,
    Quando faz e compartilha conosco,
    Tuas tão belas poesias!

    FELICIDADES SEMPRE, abraços e até mais!

    ResponderExcluir
  18. Povo do meu coração, muito obrigada mesmo pelo carinho! Se precisarem de uma organizadora de aniversários online, contratem a mega blogueira Mara Bombo. Eta, mulher eficiente! :) Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Oi Carla,
    bom ter nesse mundão meio escalafobético gente como você para salvar as amizades.
    Abração pelos anos que devem continuar.
    Irineu

    ResponderExcluir
  20. Tá decidido, vou fazer reaniversário mês que vem. Tô gostando da festa! Beijos, pessoal!

    ResponderExcluir
  21. Carla,
    convido você a visitar meu blog e juntar-se a uma humilde homenagem a Moacyr Scliar.
    Abraço
    Afonso Guerra-Baião

    www.blogdosbaiao.zip.net

    ResponderExcluir